Acabamos de ouvir a palestra “Amor”, dada pelo irmão Pedro Dong durante o Momento Especial no segundo período da conferência de Jovens. O vídeo que abriu a palestra já está disponível para os irmãos no canal do Instituto Vida para Todos no Youtube.

=======

Amor

É difícil definir o amor. Eu sei o que é, eu sinto o amor, mas não consigo explicá-lo.

Talvez seja mais fácil começar dizendo o que ele não é:

Não é ciumento. Nunca é soberbo. Não é injusto. Não desiste, e nunca, nunca acaba. O amor jamais acaba.

O amor não é um coração.
É um rio.
O amor é um oceano inteiro!

O amor ficará. Quando os profetas cansarem suas vozes e os dons todos cessarem, o amor ficará. Quando a fé e a esperança tiverem achado seus limites, o amor sempre dará mais um passo.

O que poderia calar o amor? O ódio? O máximo que o ódio traz é a morte, e o amor venceu a morte na cruz. O amor desceu ao Hades e tomou para si as chaves do inferno. O amor é maior que o tempo e as eras, o amor é a eternidade.

Quando eu pequei, o amor veio em meu resgate. Pelo amor, o preço da justiça foi pago, a misericórdia sofreu a condenação e me deu graça, a chance de uma nova vida. Pelo amor, não estou mais só.

O amor é um oceano. Estou imerso nele, mergulhado nele, cercado de tanto amor que… se eu abrir a boca, eu o engulo, se eu respirar, é ele que enche meus pulmões. Quando o amor me invade, amo os que estão perto, os que estão longe, os que são iguais a mim e os que são diferentes. A medida das minhas ações se torna o amor, e nada além dele importará para mim.

O amor me liga aos meus irmãos em um vínculo de paz, porque todas as barreiras foram demolidas quando o mesmo amor se partiu na cruz, derramando-se sobre todos os homens. O amor me faz querer bem aos meus inimigos, porque… porque não há inimigos se todos estão imersos no mesmo oceano de amor.

No final, quando tudo terminar, o amor ainda estará. Amor é conexão, é força que me liga aos outros, é o que permeia as vidas todas. Amor é gravidade, atrai, equilibra, leva tudo ao seu lugar. O amor enche tudo em todas as coisas.

O amor enche tudo em todas as coisas…

O amor é Deus.
Deus é amor.

Roteiro e direção: Pedro Dong / David Mesquita
Narração / animação: David Mesquita
Pesquisa / supervisão: Julio Mulati