Disponibilizamos aos amados coordenadores do serviço de música um aperfeiçoamento. Quem tiver interesse em aplicar o aperfeiçoamento, basta fazer o download no link disponibilizado no final desta página e bom desfrute!

I. Objetivo do serviço de música:
A. O serviço de música na igreja ocupa importante função nas reuniões, pois é por intermédio dos hinos e cânticos tocados nas reuniões com harmonia e sentimento, acrescidos da riqueza da letra a ser cantada, que cada participante da reunião pode ser levado ao seu espírito para louvar a Deus com realidade – Ef 5:18-19; Cl 3:16; Jo 4:24.

II. Coordenação:
A. O serviço deve possuir uma coordenação espiritual e técnica, a fim de manter o grupo sempre harmonizado e unânime.

III. Os instrumentos:
A. Os instrumentos jamais devem ser o centro, mas apenas o meio. Eles servem apenas de apoio para a reunião, pois o centro da reunião é Cristo, por meio da Palavra.
B. Portanto, todos os instrumentistas precisam ser pessoas de espírito exercitado, e cuja alma esteja sob o controle do espírito.
C. Os instrumentos variam de igreja para igreja, conforme a disponibilidade de músicos. O uso de qualquer instrumento deve ser feito de maneira sóbria e com discernimento, evitando reações emotivas concentradas apenas na alma – Sl 150.

IV. Os instrumentistas – os que servem:
A. Recomenda-se que todos os instrumentistas procurem ter domínio musical das partituras dos hinos e cânticos a fim de executá-los corretamente e, se possível, reunir uma vez por semana para coordenação e oração.
B. É necessário haver no serviço de música um irmão disponível que possa interferir nas reuniões, quando necessário, durante os cânticos, para eventual correção de melodia ou compasso. Todos devem aprender a cantar corretamente.
C. Os que servem devem procurar chegar pelo menos 30 minutos antes do início da reunião para oração primeiramente e, posteriormente, preparação e afinação dos instrumentos:
1. Jamais deixar para afinar os instrumentos no início ou durante as reuniões. Isso traz distração.
D. É crucial que o ritmo dos hinos e cânticos seja imposto inicialmente pelos instrumentistas conforme o conteúdo da letra, harmonizando letra e melodia:
1. Posteriormente, no entanto, os instrumentistas devem seguir apenas o “fluir” da reunião e somente parar quando assim orientados.

V. Orientações práticas para o desempenho do serviço nas reuniões:
A. Treinar uma vez por semana, de preferência aos sábados, antes da reunião.
B. Ensaiar novos hinos e cânticos e ensinar nas reuniões da igreja.
C. Fazer escala de equipes para as Casas de Reuniões: 1. Na Casa 1, fazer escala para as reuniões de Domingo. Incluir na escala todos os irmãos que servem na música das outras Casas.
D. Se for necessário, os instrumentistas devem fazer curso de música para um melhor aperfeiçoamento da equipe.
E. Procurar ter o maior número de instrumentos para um melhor desempenho e harmonia da música.
F. Os instrumentistas devem ser os primeiros a liberar o espírito, ler a Bíblia quando solicitado, ruminar em pequenos grupos e profetizar publicamente.
G. Os irmãos do serviço de música devem cuidar da aparência: usar roupa social e manter os cabelos cortados e penteados, pois ficam em um local onde todos os demais irmãos os vêem.
H. A escala para as Conferências regionais, microrregionais e reuniões especiais devem ser feitas antes, incluindo os irmãos das outras igrejas.
I. Dar apoio ao serviço de música das crianças.

Abaixo link para download
Serviço de Música