Resultados da sua busca

O QUE É IGREJA?

01/02/2019

Em nossa experiência cristã, dentre todas as dúvidas que possua um filho de Deus, talvez esta seja a mais comum. É possível, também, que, para muitos de nós, seja uma das mais difíceis perguntas a serem respondidas. Como servos do Senhor, tal revelação é fundamental, pois a igreja, Sua noiva amada, está no centro do plano eterno de Deus.

Todavia nossa maior preocupação não é se “sabemos” a resposta a essa indagação, e sim como temos respondido a ela. Muitos têm usado as coisas do homem para explicar as coisas de Deus passando conceitos próprios. Quanto daquilo que falamos sobre a igreja é de fato revelação de Deus, ou mera explicação humana com linguagem persuasiva (1 Coríntios 2:4)? Teoricamente existem diversas definições acerca da igreja, que possuem origem nas mais variadas interpretações de textos bíblicos. Outros estudos tomam por base a história, filosofia e ciência humana, dando ocasião ao surgimento de diversas doutrinas. Até mesmo um jovem como você pode estar sendo influenciado por conceitos adquiridos, tornando-o insensível à genuína revelação do Espírito. O Senhor Jesus nos adverte a ter cuidado com o “fermento”, que representa nossos conceitos humanos misturados às coisas de Deus (Mateus 16:12). O homem procura, de diversos modos e em vários lugares. respostas que somente podem ser reveladas por Deus, por meio de Sua palavra e do Espírito da verdade, pois o homem natural não pode entender as coisas do Espírito de Deus porque lhe são loucura (1 Coríntios 2:14; João 16:13). Ainda em João 4:19-24, por exemplo, vemos uma mulher samaritana que, mesmo vivendo em pecado, possuía fortes conceitos espirituais sobre o verdadeiro lugar de adoração. Nesse diálogo o Senhor primeiramente a advertiu sobre a importância de adorarmos o que conhecemos, pois ela baseava-se na experiência de seus pais (v. 20), não possuindo experiência própria com Deus.

É sempre importante atentar para as pessoas que Deus colocou ao nosso redor para nos auxiliar, como nossos pais. Entretanto, jovem, se você quer conhecer a Deus, precisa ter suas próprias experiências com Ele. Nesse contexto do Evangelho de João capítulo 4, é revelado que Deus é Espírito; e importa que os Seus adoradores O adorem em espírito e em verdade (v. 24). Ademais, são precisamente estes que Ele procura para Seus adoradores (v. 23). Esses verdadeiros adoradores são aqueles que atenderam ao chamamento de Deus e compõem Sua igreja (1 Coríntios 1:2). São todos aqueles que receberam o poder de serem feitos filhos de Deus, por crerem em Seu nome ( João 1:12). Assim, nós somos a igreja, a casa de Deus (Hebreus 3:6).

Logo, deixando de lado nossos conceitos, atentando para a pura palavra de Deus, podemos concluir que a igreja não é uma edificação humana, nem mesmo um lugar físico (Atos 7:47-48). Por essa razão, não podemos restringir nossa comunhão com Deus às reuniões da igreja, tampouco a algum lugar físico. Se nossa vida cristã se restringir aos momentos em que estamos em um templo, em poucos momentos de nossa vida o Senhor nos encontrará.

Jovem, toda vez que invocamos o Senhor, Ele se achega a nós (Deuteronômio 4:7). Podemos fazer isso a todo tempo, em todo lugar. A igreja, portanto, é um viver no qual invocamos o Senhor, mantendo comunhão com todos os santos. Nela também somos aperfeiçoados para reinar com Cristo em Seu reino.

Assine já o Jornal Árvore da Vida. Para assinar Clique Aqui

As propagandas exibidas neste site são baseadas nos interesses do usuário, coletadas pelos mecanismos de busca durante a navegação, por isso o conteúdo delas pode variar.